A espera

Para Joaquim

Novembro. Uma mulher começa sua espera, um homem sorri, uma menina canta. O mundo passa muito rápido. Dezembro. O corpo da mulher começa a se preparar, os olhos do homem sonham e a menina toma um sorvete. Novas vidas novos amigos. Janeiro. Ela começa um novo livro, ele passa as tardes fazendo contas as contas e a menina corre descalça pela casa. A economia e a política do século XXI. Fevereiro. A mulher muda pela milionésima vez seus planos, o homem arrasta os móveis, a menina rabisca o caderno. A inauguração do prédio ao lado. Março. Uma mulher sente o tempo escorrer por suas mãos, um homem viaja, uma menina vai para a escola. Os jornais fazem previsões. Abril. Ela corta os cabelos, ele faz a barba, a menina escova os dentes. As parteiras numa ciranda. Maio. A mulher pede um abraço, o homem lhe dá um beijo, a menina escuta sua barriga. A arte e a magia de cada mãe. Junho. Uma mulher perde o sono, um homem olha para o calendário, uma menina sapateia.  Fotos num mural. Julho. Eles não precisam mais esperar por mim, saber amar é saber deixar alguém te amar.

Luiz Belmiro Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *